27/08/2021

Grupo Aliança pela Vida

Blog do Grupo Aliança pela Vida.

6 dúvidas frequentes sobre a dependência química

2 min read
6 dúvidas frequentes sobre a dependência química

6 dúvidas frequentes sobre a dependência química

A dependência química é uma doença que afeta diversas pessoas, trazendo consequências para a vida dos indivíduos. É comum surgir dúvidas sobre as drogas, tratamento em clínicas de reabilitação e outras questões, por isso separamos algumas perguntas frequentes para esclarecer! 

1. Como saber se a pessoa é dependente químico?

Há alguns sinais que indicam que a pessoa sofre com o vício:

  • crises de abstinência;
  • falta de interesse em compromissos e atividades;
  • alterações de comportamento;
  • falta de motivação;
  • droga como prioridade.

2. Por que procurar ajuda médica?

As drogas causam diversas consequências para o organismo, por isso a busca por ajuda médica é importante para deixar o vício de lado. O tratamento para dependentes químicos é feito com profissionais qualificados em uma clínica de recuperação.

As substâncias afetam a saúde física, mental, além da qualidade de vida em geral do paciente. Quanto mais cedo buscar ajuda, melhor para o tratamento. 

3. Quanto tempo dura o tratamento?

Não há como dizer o tempo de tratamento, uma vez que depende do estágio da dependência, droga consumida e outras particularidades do quadro clínico de cada indivíduo. O ideal é conversar com uma equipe médica para verificar essa questão.

4. Como ajudar um familiar dependente químico?

Ter um dependente químico na família é algo difícil, mas é preciso ajudar o parente que você tanto ama. Conversar com ele e explicar que uma clínica para dependentes químicos é a melhor saída é necessário. 

Nem sempre os usuários dão ouvidos. Em alguns casos em que a pessoa não quer ajuda, mas a família acredita que um tratamento salvará a vida do familiar, pode recorrer à internação involuntária. Vale lembrar que é preciso de um laudo médico além da solicitação do parente.

5. Qual a diferença entre internação involuntária e voluntária?

A involuntária é quando o dependente se recusa a ir para uma clínica, portanto vai contra a sua vontade. Para isso, é preciso de uma solicitação da família e laudo médico. Já a internação voluntária é quando o paciente sabe que precisa de ajuda e quer fazer o tratamento.

6. Como escolher a melhor clínica de reabilitação?

É muito importante escolher uma boa clínica de internação para fazer o tratamento. Uma clínica de reabilitação masculina ou feminina precisa ter uma equipe multidisciplinar de qualidade, além de infraestrutura excelente para atender os pacientes.

Pesquise, peça indicações e conheça as clínicas. O atendimento humanizado e especializado faz toda a diferença no tratamento.

Conte com o Grupo Aliança pela Vida

O Grupo Aliança pela Vida possui diversas clínicas para alcoólatras e dependentes químicos, tendo a missão de salvar a vida do adicto. Entre em contato conosco para saber mais!

1 thought on “6 dúvidas frequentes sobre a dependência química

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Copyright © Grupo Alliança Pela Vida 2011-2021 | Newsphere by AF themes.

Trocar a senha

Identifique-se para receber um e-mail com as instruções de nova senha

Forgot Password

Sign Up